Nunca Utilize o Micro-Ondas Para Aquecer Esses 5 Alimentos!



O micro-ondas é um equipamento muito utilizado na cozinha. É uma grande ferramenta para aquecer o jantar da noite passada, o leite de todas as manhãs e até para preparar algumas receitas rápidas. Os fornos micro-ondas que conhecemos hoje são descendentes das caixas de radar da Segunda Guerra Mundial e foi inventado por Percy L. Spencer, que foi um técnico de radar durante a guerra.
Esse equipamento utiliza energia eletromagnética, que é muito semelhante às ondas de rádio. Devido a este método de aquecimento, o micro-ondas emite radiação não ionizante. Estudos mostram que isso pode afetar o nosso sangue e o nosso coração, e os efeitos desta radiação pode nos conduzir a certos tipos de cancros intestinais e do estômago.
Os micro-ondas hoje passam por muitos testes extensivos e procedimentos de segurança para certificar de que eles são seguros para o uso.
Mas, enquanto estamos seguros esperando o nosso alimento aquecer, o que realmente acontece lá dentro? Aqui estão 5 alimentos que você nunca deve colocar no micro-ondas, uma vez que irá danificar a comida, e talvez também afetar a saúde das pessoas que vão comê-la.
1. Leite materno
O leite materno é essencial para o recém-nascido, pois contém combatentes poderosos de bactérias e materiais nutritivos. Ao aquecer o leite materno no micro-ondas, em temperaturas altas ou baixas, você destrói as substâncias benéficas, e outras coisas. Nos mesmos testes, realizados pelo Jornal dos Pediatras, descobriu-se que o leite aquecido também tem maior crescimento do E-coli, uma bactéria prejudicial para os seres humanos e ainda mais nos bebês em particular.
2. Brócolis
Considerado um vegetal muito saudável, você pode perder até 97% dos antioxidantes benéficos presentes no brócolis durante o aquecimento no micro-ondas. Embora seja verdade que todas as formas de cozinhar acaba com alguns nutrientes no alimento que comemos, este é realmente um grande exemplo.
3.  Carne para descongelar
Os pesquisadores descobriram que a carne aquecida por mais de seis minutos no micro-ondas perde metade do seu teor de vitamina B-12. Outro grande perigo é que partes da carne que foram descongeladas mas ainda estão no micro-ondas são um paraíso para bactérias. Descongelar a carne pode levar muito tempo, mas há um perigo muito real de qualquer carne que seja cozida demais ou de menos, porque pode estar cheia de bactérias. É bem melhor descongelar a carne na geladeira durante a noite, cobrindo-a com papel filme para proteger das bactérias, e depois cozinhá-la.
4. Frutas congeladas
Enquanto comprar alimentos congelados e frutas não é uma má ideia, descongelar os frutos congelados no micro-ondas é muito ruim. Estudos do final dos anos 1970 mostraram que o descongelamento da fruta congelada nesse equipamento converte o glicosídeo benéfico e outro tipo de açúcar presente no fruto em substâncias cancerígenas. Em uma nota mais simples, frutas no micro-ondas tendem a encolher, enrugar e perdem a sua boa textura. É melhor descongelá-las na geladeira ou simplesmente em temperatura ambiente, sempre cobrindo com papel filme para proteger das bactérias.
5. Recipientes de plástico ou papel filme
Ao aquecer alimentos em recipientes de plástico ou cobertos por plástico filme, pode liberar muitas toxinas prejudiciais e produtos químicos diretamente em sua comida. Os perigos incluem tolueno, uma substância parecida com solvente de tinta, no qual a inalação pode causar graves danos neurológicos, e benzeno, que aumenta o risco de câncer, além de vários outros produtos químicos. Enquanto muitos recipientes de hoje são “seguros para usar micro-ondas”, ainda é uma boa ideia evitar usá-los.



Comentar

quatro + 12 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.